Newsletter, digite seu e-mail

Meu Encontro com um Gênio

Meu Encontro com um Gênio

Trabalhei muitos anos no ensino da Língua Inglesa, na Educação Infantil. Desenvolvi meus próprios planos de aula, adequados aos interesses das crianças. Ou seja, algo dinâmico, divertido e natural. É surpreendente a rapidez com que as crianças aprendem uma segunda língua. Para que isto ocorra, nem alfabetizadas precisam ser, pois tudo acontece como uma grande brincadeira.

Depois de alguns anos passei a dar aulas para adultos e lancei um desafio: fazer com que os adultos aprendessem na mesma velocidade com que as crianças. Pesquisamos várias metodologias e descobrimos que a que mais se aproximava com o que eu aplicava com as crianças era a Suggestopedia e que coincidentemente era aplicada na aprendizagem de língua estrangeira para adultos. Desenvolvemos todo o material de acordo com matérias que encontramos na Internet e um livro que encontramos sobre o Dr. Lozanov, em espanhol, acrescentado a toda a experiência de ensino de sala de aula e Programação Neurolingüística. O método atingiu excelentes resultados, mas ainda faltava algo e eu não sabia o que era. Achei a homepage do Dr. Lozanov e por várias vezes entrei em contato, mas sempre acontecia uma coisa ou outra e acabava não conseguindo ir ao seu encontro. Mas um dia recebi um e-mail dele dizendo que estaria disposto a me treinar pessoalmente, se eu quisesse. Em Julho de 2007, fui a Viena e passei uma semana com o Dr. Lozanov.

Nos intervalos do treinamento, “na hora do cappuccino” me perdia escutando sua longa história de vida. Por ser de um país comunista e por ser um gênio, sofreu vários tipos de perseguições do governo. Georgi Lozanov (nascido em 22 de julho de 1926, em Sofia, na Bulgária) é médico psiquiatra, neurologista, psicoterapeuta, com especialização em fisiologia do cérebro, pedagogo, psicólogo e doutor em ciência, uma das principais figuras no campo da aceleração da aprendizagem – criador da Suggestologia.

O Dr. Lozanov começou o seu trabalho aplicando a hipnose. Ele ajudava pessoas com neuroses, depressões e doenças psiquiátricas através da hipnose. Ele era muito bom no que fazia, mas aos poucos foi descobrindo que, apesar de obter excelentes resultados com seus tratamentos, as pessoas perdiam o seu livre arbítrio. Isto começou a incomodá-lo, pois ninguém tem o direito de decidir sobre o outro, mesmo que tenha a intenção de ajudar. Foi daí que surgiu a Suggestologia, Suggestopedia, que é uma ciência não-manipulativa, focada no ensino e aprendizagem de idiomas estrangeiros e outras disciplinas ou assuntos, para todas as faixas etárias. Estimula os níveis de reserva (potencial criativo) das capacidades do cérebro e mente. Isso significa uma aprendizagem de três a cinco vezes mais rápida, mais fácil e mais profunda. Provê a liberdade interna, aumentando a motivação por aprender, uma aprendizagem jovial e bem-estar psico-fisiológico. É uma forma de intervenção terapêutica muito eficiente e respeitosa ao próximo. A efetividade e também os benefícios deste método foram genuinamente confirmados pelas comissões internacionais mais prestigiosas e científicas. O método também foi testado oficialmente e avaliado por um grupo de peritos internacionais da UNESCO, que recomendou o método a ser aplicado no mundo inteiro. O exemplo que ele me deu foi o seguinte:

– Um dia trouxeram a mim uma moça que estava com uma profunda depressão e com vontade de morrer. Quando ela chegou, eu olhei bem para ela, naquele momento senti um amor e um respeito tão profundo por ela que apenas fiquei ouvindo o que ela tinha para me falar.  Eu a ouvia o tempo todo com o coração, ela chorou e ficou falando por mais ou menos uma hora e meia. Quando ela terminou, olhei no fundo dos olhos dela e disse: Você deve voltar amanhã, se precisar. Ela voltou sim depois de alguns dias, mas para agradecer, pois a havia voltado a viver.

No aprendizado de uma língua estrangeira, é possível uma pessoa conseguir comunicar-se com fluência com 42 horas de treinamento, ao que dou o nome de diversão, pois a metodologia foge de qualquer forma de aprendizado tradicional e maçante. Dá-se através de brincadeiras, jogos, sketches e estimulação dos sentidos num mundo da imaginação, onde tudo é permitido.

Na área de educação infantil, crianças de 6 anos de idade eram avaliadas no primeiro dia de jardim de infância e poucas sabiam o nome de algumas letras do alfabeto. No quinto dia letivo, apenas através de histórias infantis, alguns cartazes espalhados pela sala, música, teatro, brincadeiras, arte e muito amor das professoras, já estavam lendo. No trigésimo primeiro dia letivo, já estavam fazendo contas de somar, subtrair, lendo livros de histórias e escrevendo frases e sentindo-se muito felizes. Em contrapartida, na sala de aula de metodologia regular, no mesmo período de tempo,  as crianças haviam aprendido as vogais do alfabeto búlgaro e duas consoantes. O Dr. Prof. Lozanov tinha quinze jardins de infância espalhados pela Bulgária, onde os programas educativos eram transmitidos pela TV em rede nacional para todas as escolas.

Depois de sua metodologia ter sido reconhecida pela UNESCO, e estar pronta para ser lançada ao mundo, ele teve seu passaporte recolhido e foi decretada a sua prisão domiciliar, ficando preso em seu país por 10 anos, em função do que o mundo privado da grande revolução do aprendizado. Ele apenas podia ir da sua casa ao instituto e vice-versa. Não tinha mais o direito de viajar, de falar ao telefone, de receber ou escrever cartas, publicar nada; suas palestras e programas na televisão também foram suspensos. Durante este período os imitadores de outros países ofereceram ao mundo algumas versões do trabalho da Suggestopedia mas estas não tinham nada em comum com a verdadeira Suggestopedia. O professor Lozanov não tinha como se proteger; ele nem tinha acesso a informações do que estava acontecendo no mundo. Infelizmente esta é uma prática que ainda ocorre nos dias de hoje. Há vários sites na internet que falam sobre Suggestopedia, Super-learning, Dr. Lozanov e não têm a mínima ideia do que é realmente o “LOZANOV METHOD” e saem vendendo o nome. Hoje em dia já é algo que não o incomoda mais:

– Infelizmente, as pessoas que não são oficialmente treinadas pelo instituto não têm a mínima ideia da essência do método, do que realmente faz a diferença e dá o resultado. Isto não me incomoda de forma alguma, pois no fundo eles sempre vão sentir que o quebra-cabeças nunca vai estar completo. 

Considero conhecer o Dr. Lozanov um dos maiores presentes que já recebi em minha vida. Por trás de toda aquela genialidade me deparei com a mais pura simplicidade e a maior forma de expressão de amor: o amor ao próximo.

Descobri que não podemos ensinar nada a ninguém se não amarmos o próximo, independente de qualquer coisa. As qualidades e defeitos são secundários ao ser. Temos sim é que respeitar a essência de cada um. O não julgamento cria dentro de você uma certeza absoluta da troca de conhecimentos.  É assim que se dá o aprendizado. Não existe mágica, apenas amor.

Um dia perguntei a ele o que deveria dizer às pessoas que não acreditam que podem aprender uma segunda língua em tão pouco tempo. Ele, com olhar curioso, olhou-me por alguns instantes e, com muita doçura, me disse:

– Você não deve se preocupar com isso, pois você tem certeza que o método funciona. Apenas sorria para ela, com muita ternura e acredite nela. A partir do momento em que isso acontecer, ela já estará começando a aprender.

Quando retornei ao Brasil, tudo estava diferente dentro de mim; antes eu aplicava o método e agora sinto o método. É como se tivesse dentro de mim uma sementinha de toda aquela humanidade que se encontra em poucas pessoas pelo mundo. Quando entro na sala de aula, tudo se transforma e jamais me sinto sozinha. É como se o Dr. Lozanov estivesse comigo o tempo todo.